Venda da LOTEX fracassa pela 4ª vez

Manuela Ferreira - 04-04-2019

Raspadinhas da LOTEXO banco nacional de desenvolvimento do Brasil (BNDES) confirmou que a venda da operadora de loteria instantânea estatal LOTEX foi adiada mais uma vez. Esta é a quarta vez que a venda em questão é jogada para o lado.

No fim da semana passada, o BNDES (sob grande pressão) emitiu um comunicado aos acionistas e à mídia informando seu mais recente desenvolvimento. A carta revelou que o leilão da LOTEX, que estava programado para ser realizado na terça-feira, 26 de março, foi cancelado.

Na nota, executivos de governança da matriz do BNDES informaram aos investidores e apoiadores que o leilão da LOTEX foi transferido para o dia 26 de abril. O banco acrescentou ainda que aceitará cadastros de lances para o leilão até a segunda-feira, 22 de abril.

A privatização se prova infrutífera

O adiamento da venda pela quarta vez reflete a continuação de um período constrangedor para o banco, que agora fracassou em um total de cinco tentativas de privatizar a operadora de raspadinhas instantâneas da empresa lotérica estatal do Brasil, a Caixa.

Em agosto de 2017, o BNDES relevou seus planos de vender a LOTEX, que foram aprovados rapidamente pelo governo de Michel Temer. A instituição financeira estatal começou buscando um valor mínimo de R$ 4 bilhões em troca do bem nacional, e planejava concluir e encerrar a compra até 2018.

Operadores estrangeiros se esquivam

Infelizmente, 2018 chegou e passou, e os planos do BNDES não atraíram nenhum interesse de operadoras de jogos estrangeiras. Muitos potenciais compradores se recusaram totalmente a participar da disputa pela LOTEX, uma vez que o banco não deixou clara a posição da Caixa Econômica Federal como operadora lotérica nacional e distribuidora única dos produtos da LOTEX no Brasil.

Ao longo do ano passado, mais uma série de tropeços devastadores do BNDES fez com que o banco cancelasse o leilão da LOTEX nada menos que três vezes. Depois de assumir a presidência em janeiro deste ano, o governo do novo partido liberal de Jair Bolsonaro afirmou que começaria a pressionar o banco para concluir a venda da operadora ainda no primeiro trimestre deste ano — uma meta pouco provável de ser cumprida.

O governo brasileiro permite três principais tipos de licenciamento de loteria — sorteios de loteria nacional jogos como Lotomania e Dupla Sena, loterias esportivas como o Lotogol e Quina, e os populares jogos de loteria instantânea da LOTEX.

Links das fontes:

https://www.sbcamericas.com/

Copyright © 2019 www.cassinosparaobrasil.com.br